Arquidiocese de Brasília celebra Dia do Pioneiro de Brasília e 111º aniversário de JK


O Arcebispo Dom Sergio da Rocha celebra Missa em Ação de Graça em memória do 111º aniversário de Juscelino Kubitschek e pelo Dia do Pioneiro de Brasília.


A celebração será realizada no dia 12 de setembro, quinta-feira, na Catedral Metropolitana de Brasília, às 12h15.

A data festiva foi incluída no calendário oficial de eventos do DF há três anos. E o dia 12 foi escolhido em homenagem ao dia do nascimento de Juscelino Kubitschek.

JK – Mineiro de Diamantina, Juscelino Kubitschek nasceu em 12 de setembro de 1902. Descrito como um homem fiel aos seus antigos mestres, aos seus amigos e principalmente a seus princípios: verdade, justiça e democracia. Nacionalista, conciliador e extremamente tolerante, apostava na capacidade do povo brasileiro. Era médico, vivia em constante bom humor e gostava de serenata e violão. Tanto que no dia 12 de setembro, Diamantina celebra, além do feriado de Juscelino, o Dia da Seresta.

Morreu em 22 de agosto de 1976, em um acidente automobilístico, na Rodovia Presidente Dutra, em São Paulo, quando seu carro bateu de frente com uma carreta após ter sido acidentalmente fechado por um ônibus.

A  Capital - Mesmo com toda a celeridade, o cuidado com que os prédios foram construídos, suas linhas arrojadas e seu elogiado projeto urbanístico fizeram com que, em 1987, Brasília fosse a primeira cidade a ser reconhecida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como Patrimônio Cultural da Humanidade. Isso se converte hoje em um incentivo ao trabalho dos brasilienses na construção da infraestrutura para a Copa do Mundo de 2014.
Compartilhar

Por: Sistema Blogger Brasília de Comunicação

0 comentários:

Postar um comentário